­

Polícias Civil e Militar trocam tiros com integrantes do bando de Tana ou Bacuri

Redação Alagoa Nova Já | 12.1.16 | 0 comentários

A zona rural de Alagoa Nova, cidade do Brejo da Paraíba se torna palco de mais um confronto entre polícia e bandidos. Trata-se outra vez do bando de Bacuri ou Tana, que há quase dois anos tem tirado o sossego da população de pelo menos cinco municípios. Ora adquirindo baixas e ora se firmando entre a bandidagem.

Na tarde de ontem (11/01), por volta das 15h:30min, a Polícia Civil da Paraíba/12ª DSPC, por meio do GTE/HOMICÍDIOS com o apoio da Polícia Militar, sob o comando do Tenente Floristan Ferreira prenderam em flagrante delito, após intensa troca de tiros, mais um indivíduo que faz parte da quadrilha do criminoso conhecido por Tana ou Bacuri.

As investigações levantadas apontaram uma casa, na zona rural entre os municípios de Esperança/Remígio/Alagoa Nova, onde parte da quadrilha, aproximadamente cinco homens estariam malocados e fortemente armados.

Uma operação foi deflagrada pelas equipes que saíram em diligências até o local. Lá as equipes foram recebidos com disparos de armas de fogo, as Polícias revidaram e após intenso tiroteio conseguiram cercar o imóvel. Porém o chefe da quadrilha e outros comparsas conseguiram empreender fuga.

Durante o confronto foi preso e autuado em flagrante um dos criminosos que compunha o bando que aterroriza as zonas rurais de Alagoa Nova, Areia, Remígio, Matinhas, São Sebastião de Lagoa de Roça e região, com o indivíduo identificado por Werberton Costa Gonçalves, vulgo Beton, com ele foram apreendidos duas armas que pertenciam ao bando sendo uma espingarda calibre 12 e uma pistola calibre 380 de fabricação Argentina.

Para as Polícias Civil e Militar, as investigações avançam e o cerco ao bando se fecha a cada dia. As pistas indicam que é uma questão de tempo para investir positivamente e desbaratar toda a quadrilha.



Da redação com informações da Polícia Civil da Paraíba/12ª DSPC

Editorias: , ,

0 comentários