­

Projeto Rio Mamanguape-Fase ll realiza reunião em municípios do Brejo e Agreste Paraibano

Redação Alagoa Nova Já | 16.5.14 | 0 comentários

O Projeto Rio Mamanguape-Fase ll continua realizando reuniões nos municípios que serão contemplados com suas ações. Nos dias 06, 07 e 09 de maio, técnicos do Projeto estiveram nas cidades de Areial, Montadas e Esperança, reunidos com agricultores e produtores, futuros beneficiados com o Projeto. O objetivo é esclarecer como serão desenvolvidas as ações nesses municípios.

No município de Montadas, a reunião ocorreu no dia 06, no Salão Paroquial. Compareceram 09 agricultores, todos serão beneficiados com projetos da área de agricultura e pecuária. Na agricultura, os projetos desenvolvidos serão de plantação de mandioca, milho e reflorestamento. Já na pecuária, os agricultores escolheram para serem beneficiados com projetos de avicultura alternativa e caprinocultura.

Na cidade de Esperança, o Sindicato dos Trabalhadores Rurais do município sediou a reunião no dia 07 deste mês. 30 agricultores e produtores estiveram presentes. Os projetos escolhidos são os mesmos do município de Montadas, com acréscimo para a plantação de maracujá. Gerlandio Diniz, técnico do Projeto, responsável pelos projetos na área de pecuária, informou que os futuros beneficiados estão bastante interessados nas ações do Projeto Rio Mamanguape-Fase ll. “Eles se mostraram bastante interessados e empolgados com a reunião, visto que interagiram através de perguntas e sugestões em relações às ações a serem implantadas pelo projeto”, garante o técnico.

Outro município contemplado com o Projeto Rio Mamanguape-Fase ll é Areial. Além de todos os projetos já citados acima, os agricultores e produtores daquela região escolheram também projetos em suinocultura (criação de porcos) e apicultura (criação de abelha). Na reunião estiveram presentes 22 pessoas.

Em Areial, já existe um projeto de apicultura implantado no Sítio Araras. O técnico Gerlandio Diniz afirmou que o Projeto irá dá todo o apoio necessário para o desenvolvimento do projeto de apicultura nessa região. Nós iremos apoiar com equipamentos e assistência técnica aos apicultores.
  
Em muitos desses municípios, os produtores de aves disseram que estão com dificuldade em comprar milho à CONAB. Diego Andrade, técnico do Projeto, informou aos agricultores que o Projeto Rio Mamanguape-Fase ll irá adquirir o produto para fornecer aos produtores. O milho servirá de ração para as aves.
  
Outras reuniões vão acontecer nos próximos dias em outras cidades contempladas com o Projeto Rio Mamanguape – Fase II, patrocinado pela Petrobras, através do Programa Petrobras Socioambiental, com o apoio do Governo Federal, executado pela Cooperativa de Projetos Assistência Técnica e Capacitação do Nordeste Ltda. (COOPACNE).



Ass. de Imprensa da Coopacne

Editorias:

0 comentários