­

Justiça suspende eleição da Federação dos Trabalhadores na Agricultura da Paraíba (FETAG/PB)

Redação | 29.3.14 | 0 comentários

O juiz titular da 7° Vara do Trabalho, Normando Salomão Leitão,  determinou a suspensão da eleição da Federação dos Trabalhadores na Agricultura da Paraíba (Fetag-PB), que seria realizada nesta quinta-feira (27). A decisão foi tomada em virtude de ação movida por Nelson Anacleto, candidato a presidente da chapa 2, e outros integrantes. A chapa 1 foi alvo de vários pedidos de impugnação. A alegação é de que a mesma tem um histórico de irregularidades perante o processo eleitoral, comprovado também pelo Ministério Público.

É raro acontecer interferência judicial no processo de eleição sindical, devido a autonomia que as entidades sindicais possuem, porém os fatos são graves. Segundo Jonatas Pontes, advogado da Chapa 2,  “É pouco usual a interferência do poder judiciário, isso só ocorreu por que  foi verificado vários e vários indícios e falhas no processo eleitoral. Autonomia sindical não é absoluta. Ela tem que defender as regras e as normas”.

De acordo com o advogado, “ O que ocorreu foi uma medida judicial da Defesa do Trabalho que reconheceu irregularidades no andamento da eleição da Fetag-PB. Essa interferência ocorreu pelo fato da ausência da comissão eleitoral para julgar, por exemplo, quem pode ou não votar. Um processo dessa magnitude com mais de 210 sindicatos filiados não tem uma comissão eleitoral com isonomia e imparcialidade para discutir as questões pertinentes ao processo eleitoral”, afirma o advogado.

Será realizada na próxima terça- feira (1), uma nova audiência para definir os rumos da Fetag- PB. Segundo Nelson Anacleto, esse é um momento muito favorável a chapa 2. “Nós vamos ganhar com o voto dos STR´s, mas conseguimos comprovar as falhas e os erros do processo da eleição da chapa 1, que tenta ganhar eleição com fraudes, vícios e de forma ditatorial e parcial. A ação na justiça que suspendeu a eleição, nada mais é do que uma expressão que nós da Chapa 2 vinhamos dizendo durante todo o processo.”

Estão aptos a participar da eleição três delegados de cada sindicato rural em todo o estado.

Com informações do Portal dos Movimentos Sociais
Foto: Nordeste 1

Editorias: , ,

0 comentários